Zur Navigation | Zum Inhalt
FVCML0208 10
Projecto EN-Abilities - A inclusão pela língua PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Jaime Ribeiro   
Quarta, 24 Outubro 2018 10:30
Logo en-abilities - 3 círculos interligados

O projeto EN-ABILITIES envolve seis universidades europeias com o propósito de desenvolver ferramentas, de educação formal e não-formal, destinadas a incentivar a aprendizagem autónoma de línguas em pessoas com necessidades especiais (NE) (com limitações funcionais e migrantes). Inicialmente foi realizado a nível europeu um levantamento de necessidades de formação e identificação de conteúdos. Sequencialmente será desenvolvido e implementado um Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) e uma nova metodologia validada (baseada em evidência) e aliçercada em diretrizes práticas para desenvolvedores de tecnologia, bem como diretrizes pedagógicas para professores. O AVA será construído com base num processo de aprendizagem sequencial, possível de ser adaptado a cada aluno e de acordo com as observações do W3C e design universal.

O projeto fornecerá às pessoas com NE uma ferramenta adequada e adaptada para aprender línguas, contribuindo para melhorar e ampliar as suas oportunidades de educação e inclusão. Além disso, prevê-se o desenvolvimento de competências linguísticas e a capacidade de comunicar a nível europeu e, consequentemente, a sua empregabilidade, participação cívica, mobilidade e inclusão social. Por outro lado, o projeto pretende fornecer diretrizes práticas para profissionais com o objetivo principal de os capacitar com os conhecimentos necessários para criar e / ou adaptar recursos para aprendizagem de línguas. Almeja-se melhorar e ampliar as competências profissionais dos professores de línguas / formadores e profissionais que trabalham em contextos educacionais para adaptar o ensino de idiomas para alunos com necessidades especiais. Adicionalmente, procura-se reduzir a carga da educação formal e não formal na formação linguística: do ponto de vista do indivíduo e das suas famílias, uma vez que o processo de aprendizagem sequencial proposto incentiva a aprendizagem de línguas autonomamente; e, do ponto de vista dos profissionais, pelas novas competências adquiridas. Embora o projeto esteja focado na aprendizagem da língua inglesa, os resultados poderão ser replicados noutras áreas de aprendizagem e educação de línguas.
 
Saiba mais sobre o projeto aqui:  http://en-abilities.eu/ 

 
 
Actualizado em Quinta, 25 Outubro 2018 14:12
 

Destaques

A publicação "Comunicação Aumentativa" tem como objetivo desmistificar o uso de símbolos gráficos como meio aumentativo da comunicação, destacando-o enquanto elemento potenciador de estratégias para o aumento da compreensão do material verbal e do desenvolvimento da linguagem oral. Segundo Célia Sousa, organizadora a aposta nesta iniciativa resulta da constatação de um total desconhecimento por parte da população em geral do conceito de comunicação por símbolos, daí a criação deste documento que ilustra de um modo simples a comunicação aumentativa. Esta publicação resulta do esforço conjunto dos CRTIC de Aveiro, Castelo Branco, Coimbra, Guarda, Pombal e Viseu, do CRID e da DREC. A versão papel será distribuída gratuitamente na zona centro do País, junto de escolas, hospitais, associações e instituições de apoio social