Zur Navigation | Zum Inhalt
FVCML0208 10
Bem vindo ao sembarreiras.org!
Proteger o computador de cliques acidentais das crianças PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

Por vezes a autonomia de crianças mais pequenas com e sem Necessidades Especiais num computador pode trazer alguns constrangimentos com o risco de acionarem acidentalmente, por exemplo, teclas de funções que podem apagar ficheiros ou danificar o computador.

O Kid-Key-Lock é um programa simples e gratuito para bloquear o teclado e as funções específicas do rato.Símbolo Kid-Key-lock

Kid-Key-Lock é ideal para prevenir que as crianças acidentalmente pressionem os botões indesejados no teclado e rato.

Quando Kid-Key-Lock está em execução, um ícone indicador aparecerá na bandeja do sistema. Quando se clica no ícone da bandeja surge menu pop-up. Todas as funções do programa, incluindo a caixa de diálogo de configuração são acessíveis a partir deste menu.

Continuar...
 
Formação: Projecto MagicKey: Um olhar que nos guia... PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

Olho MagickeyEsta ação, centrada no Projecto MagicKey do Instituto Politécnico da Guarda (http://www.magickey.ipg.pt/) tem como formador o Engenheiro Luís Figueiredo e destina-se a docentes, técnicos, assistentes operacionais, pais e cidadãos portadores de deficiência.

Trata-se de uma oportunidade para assistir de perto a formas alternativas de acesso a um computador e que permitem que a pessoa com deficiência o possa utilizar de forma funcional. Destaca-se por exemplo a possibilidade de controlar o rato do computador apenas com recurso ao movimento dos olhos.

Formação gratuita de inscrição obrigatória.

Continuar...
 
Acessibilidade de Recursos Educativos Digitais PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

Capa Cadernos Sacausef VIMuito se tem falado sobre o potencial da utilização dos Recursos Educativos Digitais (RED) na educação. Porém, a nível nacional, pouca atenção tem sido dada à utilização dos RED com as populações especiais, com alunos que não seguem os padrões considerados normais de aprendizagem.

"Os RED podem envolver, atrair, inspirar e entusiasmar aprendentes de todas as idades, capacidades e necessidades. Podem ser utilizados para estimular e canalizar a criatividade do aluno à medida que vão sendo adaptados às suas necessidades e vão sendo desenvolvidos materiais mais estimulantes que permitem personalizar a aprendizagem. Apresentam-se de diferenciadas formas, desde uma simples imagem digital que complementa um conteúdo, a ambientes virtuais onde a flexibilidade da simulação torna a experimentação mais segura. Em educação, um recurso digital é qualquer elemento que pode ser armazenado num formato digital, adoptado e adaptado para ser utilizado na aprendizagem." (in Cadernos Sacausef VI)

Felizmente e em boa hora a Direção Geral de Inovação e Desenvolvimento Curricular (DGIDC), estrutura do Ministério da Educação e da Ciência decidiu investir nesta área. Desta forma, lançaram no âmbito do seu Projeto Sacusef, na 6ª edição, uma publicação dedicada aos RED para alunos com Necessidades Educativas Especiais. Os Cadernos Saucausef VI foram organizados e estruturados por António Moreira e Margarida Almeida da Universidade de Aveiro e conta com capítulos escritos por referências nacionais. Autores que além de investigarem, fazem da utilização das tecnologias com as NEE o seu dia a dia.

Com elevada qualidade, aconselha-se a leitura deste caderno, que nos parece ser uma referência a não perder para (in)formação. 

Continuar...
 
TECNOLOGIAS DE APOIO E DEFICIÊNCIA VISUAL NO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO DA UNIVERSIDADE DE AVEIRO PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

Laboratório de Conteúdos Digitais (LCD) e o Centro de Competência TIC (CCTIC-UA) da Universidade de Aveiro promovem workshop sobre de Tecnologias de Apoio para pessoas com Défice Visual.

No próximo dia 30 de Março irá decorrer às 17:00h, na sala C2.22 do Departamento de Educação da Universidade de Aveiro, um workshop gratuito sobre a utilização de Tecnologias de Apoio para pessoas com deficiência visual.

Trata-se de uma oportunidade para assistir e manusear formas alternativas de acesso a um computador e a outras fontes de informação pela pessoa com deficiência visual.
As tecnologias de apoio e formatos alternativos de apresentação facilitam o acesso e participação por pessoas com limitações visuais, surgindo como uma complemento/alternativa à impressão em Braille e documentos de grande volume (mesmo no aspecto físico -  uma página negro corresponde a 3 páginas em Braille).
Continuar...
 
Tecnologias facilitam a vida de pessoas com deficiência PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Apresentamos mais um vídeo do Programa da SIC "Futuro Hoje" que ilustra bem as vantagens da utilização de tecnologias para facilitar o acesso e participação das pessoas com deficiência na sua vida quotidiana, onde se inclui a educação. São várias as vantagens para os alunos com NEE quando se passa do papel ao digital.
 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Seguinte > Final >>

Página 4 de 21

Destaques

As comunidades de prática e aprendizagem estão disseminadas pela Internet e tomam frequentemente a forma de redes sociais, fóruns e outras que têm o intuito de fomentar a partilha de conhecimento, a troca de aprendizagens e o contacto entre pessoas que têm interesses comuns.
Estas redes são um meio privilegiado de comunicação, disponibilizando informações sobre recursos, formação profissional e boas práticas (experiências bem sucedidas).
Frequentemente entre os seus associados e sempre na entidade que as albergam encontram-se profissionais altamente qualificados com anos de experiência profissional.
Aqui podemos encontrar informações sobre novas estratégias, saber opiniões, pedir e obter novos recursos e, simplesmente discutir opiniões e pedir apoios a colegas da área.
 
Deixámos aqui duas redes sociais de elevado interesse que aconselhamos a associação.
 
Grupo TIC@NEE do Laboratório de Conteúdos Digitais - frequentado por profissionais da educação especial, de inclusão e tecnologia, bem como investigadores, outros profissionais de reabilitação e familiares de alunos com problemas na aprendizagem. Neste grupo pode encontrar informações sobre encontros, congressos, seminários e formação, assim como pedir ajuda e descarregar recursos disponibilizados.
 
Grupo UDL em Português do UDL Connect - é um grupo português sediado na instituição de onde emergiu o conceito de Desenho Universal para Aprendizagem. Trata-se de uma perspetiva abrangente que procura a apoiar a diversidade de alunos através do desenvolvimento de adaptações curriculares que visem não só alunos com NEE, mas todos os alunos que podem eventualmente enfrentar problemas de aprendizagem.

Newsletter